Posts Marcados wish you were here

(1975) Pink Floyd – Wish you were here

Nesse momento, ao ler o texto, você menina deve ter suspirado: “ah, “ele” me dedicou essa música”, e você menino deve ter pensado “pô Bruno, Pink Floyd de novo!?!”. Haha ;D

Brincadeiras à parte, vamos falar de MÚSICA. Com certeza, ao se tratar de música, o album Wish you were here é um ótimo exemplo de como a música sempre deveria ser: não comercial, sentimental e verdadeira. Com todas as músicas possuindo mais de 5 minutos e com melodias extremamente emocionantes, Wish you were here é um album pra você ouvir no talo, “degustando” cada segundo.

Melhor música : Shine on you crazy Diamond (Parts I-V) – E não adianta ficar bravinho falando que a melhor é a faixa titulo.

Música “menos boa”: Welcome to the Machine.

Dificil classificar isso. No geral, cada música tem sua singularidade e seu valor. Não vou nem me preocupar em dar notas para as faixas, porque todas merecem um 10, assim, de cara. São todas ótimas faixas, tanto instrumentalmente falando quanto liricamente.

Prontos?

Para começar, a capa retrata um contratante da industria musical “se queimando” musicalmente (por causa do contrato a ser feito). Hm…

Em algumas versões de LP, na minha por exemplo, existe um aperto de mão de dois robôs em um adesivo no campo. Também retrata um acordo feito por robôs, não pessoas. Isso representa a ausência de sentimentos.

1 – Shine on you crazy Diamond (Parts I-V)

Isso sim é uma faixa progressiva.Do inicio da música até os 8 minutos é apenas instrumental! Incrivel como o Pink Floyd consegue nos cativar com instrumentais tão longos. Se você não gosta, é porque provavelmente nunca ouviu da maneira que se deve. Todo esse instrumental funciona como uma espécie de “cama”, um plano de fundo, que te coloca na atmosfera do album. Se você pegar a faixa direto dos 8 minutos, não irá ter a mesma sensação.

Leia o resto deste post »

, , , , ,

2 Comentários

%d blogueiros gostam disto: