(1977) Pink Floyd – Animals


Em 1977, a banda Pink Floyd lançou um dos seus melhores álbuns: Animals.

Animals trata-se de uma obra conceitual, composta por Roger Waters, baseada no livro “A Revolução dos Bichos” (Animal Farm) de George Orwell. O album fala de três animais diferentes, e cada um deles possui suas características: Pigs (porcos) , representam os líderes fanáticos e autoritários, os políticos corruptos e os moralistas (com referências diretas a Margaret Thatcher e a Mary Whitehouse); Dogs (cães), os “impositores da lei”, que forçam leis sobre o povo e Sheeps (ovelhas), o povo, inocente e sem pensamento próprio, facilmente manipulado.

Melhor música: Dogs

Pior musica: Pigs on the wing (ambas as partes).

1 – Pigs on the wing 1 (3/5)

Pigs on the wing, ambas as partes, são musicas de abertura (prólogo) e encerramento ( epílogo) do album, sendo esta o prólogo. É uma música bem legal, com violão e contagem de tempo variada, com bastante quebra de tempo. Contudo, não é nada relevante se comparado ao resto do álbum. A letra de Pigs on the wing será explicada juntamente com sua segunda parte, mais á frente.

2 – Dogs (5/5)

A melhor música do albúm com certeza. Aqui vemos David Gilmour em uma de suas melhores performances tanto nos vocais quanto na guitarra…mas especialmente na guitarra. O solo de guitarra desta faixa é excepcional, demonstrando e confirmando o quanto David Gilmour é  excelente em compor solos melódicos, e que não necessita de uma técnica complexa (como possuíam outros músicos do gênero progressivo)  para fazer uma ótima música.

A letra fala dos cães, falsos, que fingem sorrisos, aperto de mãos formais, conquistam a confiança das “vítimas” e etc e aguardam o momento certo para a pessoa “virar as costas” e “enfiarem a faca” .

Contudo, a letra mostra que os próprios cães cavaram suas covas, conforme a parte que diz “And when you lose control, you’ll reap the harvest you have sown” e depois em “And it’s too late to lose the weight you used to need to throw around, So have a good drown, as you go down alone, Dragged down by the stone!“. Ou seja, os cães são puxados pelas suas próprias pedras ao “fundo”, construíram sua própria ruína.

No livro de George Orwell, os cães impõe as leis ao povo (ovelhas) e trabalham unicamente para os porcos.

3 – Pigs (5/5)

Pigs é uma ótima música também. Tem uma levada bem “funk”, com riffs de baixo e uma melodia excepcional no teclado. Na voz de Roger Waters, existem alguns efeitos de distorção que deram uma atmosfera totalmente diferente a música.

A música tem bastante pegada. Por várias partes eles mudam o feeling e a atmosfera da música, mostrando o que o progressivo tem melhor a oferecer: a qualidade musical.

Todos os músicos da banda merecem destaque. É uma ótima obra.

A passagem aos 4:14 min. é extremamente legal, com efeitos ao fundo de sons de porcos, com um felling que somente Pink Floyd consegue fazer. Após essa parte, mais uma vez David Gilmour mostra a que veio, com um solo de guitarra usando “talk box”, sempre inovando e mostrando toda sua criatividade melódica, nunca abusando de fraseados, mostrando seu lado mais “blues”. Essa obra é bem parecida com a pegada blues de “Have a Cigar”, do album “Wish you were here” (resenha completa dele aqui).

A parada total aos 7:20 é muito empolgante, e no final temos novamente um solo de guitarra de David Gilmour, dessa vez mais fraseado e novamente, ÓTIMO. Sem contar o riff de baixo que Roger Waters executa, tocando a nota e oitavando-a.

A música fala dos “Pigs” (porcos) , que , como já explicado anteriormente, representam os líderes manipuladores. Durante a música, existe referencia direta a Mary Whitehouse.

No livro de George Orwell, os porcos são os animais mais inteligentes, que usam esse mérito para manipular os outros animais da fazenda.

4 – Sheeps (3,5/5)

É a obra do album que, apesar de ser muito boa, eu menos gosto. Talvez seja pela falta de variação significante da música, que comparado ao resto do album fica bem abaixo.Contudo, existe um pequeno solo de sintetizador aos 4:50 bem legal, e uma “passagem psicodélica” aos 5:40. Não são elementos que me atraem muito em uma música.

Existe um riff melódico no final da música que eu particularmente acho bem chatinho…

A letra fala das Sheeps (ovelhas) que simbolizam o povo, manipulado que segue cegamente seus líderes. Ela contém uma passagem muito interessante, que é um trecho do salmo 23 modificado. Ao final da música, as ovelhas se erguem e matam os cachorros, voltam para suas casas e se aposentam.

5 – Pigs on the wing 2 (3/5)

Epílogo da obra, muito similar com sua primeira parte.

Pigs on the wing é uma simples musica romantica, onde um pouco de esperança é oferecida apesar da raiva expressada nas outras músicas do album. A música é extremamente influenciada pela relação de Waters com sua então namorada.

As três faixas centrais são “limitadas” por um par de canções de amor escritas por Waters para a sua mulher na época, Caroline. “Pigs on the Wing” partes 1 e 2: a mensagem destas duas músicas é de que enquanto duas pessoas se amarem, podem proteger-se dos males do mundo referidos nas três músicas do meio. Waters refere-se a si mesmo como sendo um cão na segunda parte da música.

Média do álbum: 4/5

Curiosidades:

  • A capa do album não é uma pintura, é uma foto. Esse balão gigante de porco de fato existiu e estava nos shows do Floyd.
  • Dizem que existe um sincronismo com o album e o filme “Revolução dos bichos”.
  • Um ótimo album para que quer realmente conhecer Pink Floyd além do “Dark Side of the moon”, “Wish you were here” e ” Another brick in the wall”.

Eu tenho um quadro =)

Ps: Sempre que possivel, estarei postando alguma obra de progressivo por aqui.Como minha vida ultimamente está um caos, vai ser bem dificil, mas acho que um por mes pelo menos eu consigo. Até o/

Gostou? Comente, e não se esqueça da média em estrelas lá em cima😉

, , , , ,

  1. #1 por Josimar Afonso em 19/04/2012 - 20:46

    este album é muito bom!!!!

  2. #2 por Giovanni em 23/02/2013 - 3:18

    Pra mim, o Melhor Álbum, só achei mancada você citar a pigs on the wing como pior música, respeito o conceito de cada gosto, mas não deixa claro sua opinião aqui, ja que o gosto é de cada um, pra mim a música que “menos gosto” é a sheeps, sendo pink floyd minha banda favorita, não existe pior música, só se você citar como “na sua opinião a musica que você menos gostou”… valew !

  3. #3 por Igor Maxwel em 18/03/2016 - 13:12

    Animals foi o primeiro disco que eu ouvi do PF e hoje é um dos meus favoritos deles, ao lado do Meddle, Dark Side of the Moon, e dos meus venerados Wish You Were Here e The Wall.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: